Artigos

Como driblamos nossos ídolos

No gingado do “fez que foi, mas não foi”, a pisada na bola parada e o engano do adversário: um balanço que libertava e lançava o Brasil a um novo patamar do futebol mundial. Garrincha, o Mané, nos representou com a malícia inocente de se ludibriar. O mundo se encantou com o craque. O Brasil… Continuar lendo Como driblamos nossos ídolos

Avalie isto:

Artigos

A Copa do Mundo e a memória esportiva nacional

Ele foi um dos maiores jogadores que o futebol mundial já produziu. Com seu drible fácil e “sempre para o mesmo lado” desmontou defesas do mundo inteiro. Ajudou, e muito, na construção da um suposto jeito tipicamente brasileiro de jogar futebol: com dribles, floreios e ginga. Faz até hoje os torcedores relembrarem e narrarem para… Continuar lendo A Copa do Mundo e a memória esportiva nacional

Avalie isto: