Artigos

Há 30 anos, o futebol perdia com a Tragédia do Sarriá

A noite de 5 de julho de 1982 foi longa para os brasileiros. Tão longa que, para muitos, ela ainda não acabou. Tudo parece um grande pesadelo e, quando o dia amanhecer, nas páginas dos jornais estará estampada a vitória da Seleção Brasileira sobre a Itália, pela segunda fase da Copa do Mundo.

Infelizmente, porém, a realidade é dolorosa para os brasileiros. Naquela tarde, há 30 anos, no Estádio Sarriá, em Barcelona, o Brasil de Zico, Sócrates, Júnior e cia. deu adeus ao sonho do tetra, após perder por 3 a 2 para os italianos, comandados pelo contestado atacante Paolo Rossi, autor dos três gols daquele jogo que ficou conhecido como “Tragédia de Sarriá”.

Mais do que uma derrota futebolística, aquela partida representou o fim de um sonho. Nunca uma seleção começou uma competição tão favorita, jogando tão bonito. E, quis o destino, que fosse embora prematuramente contra um time que fez uma primeira fase medíoce, onde conseguiu apenas três empates. Depois daquele 5 de julho, o futebol nunca mais foi o mesmo.

Choraram os brasileiros, mas, principalmente, choraram os amantes do futebol bonito, jogado com o sorriso no rosto, com o gingado do samba. O Brasil perdeu? Não. Quem perdeu foi o futebol. Se bem que tudo isso pode ser apenas um pesadelo, do qual acordaremos hoje durante as comemorações do Tetracampeonato conquistado por aquela seleção mágica em 1982.

Para visualizar a matéria completa, clique aqui e baixe o pdf.

Este artigo também foi publicado no LANCE!NET.

Anúncios

Um comentário em “Há 30 anos, o futebol perdia com a Tragédia do Sarriá

  1. O jornal esportivo Marca Brasil publicou neste final de semana (7 e 8 de Julho de 2012) uma excelente entrevista com o ‘carrasco’ Paolo Rossi. Ele está bem vivo, Mora na Toscana, sua região natal, onde é dono de hotel. Na entrevista ele defende Cerezo, dizendo que não foi falha de Toninho, mas mérito dele, Rossi, que anteviu a jogada.
    Já revi inúmeras vezes aquela partida, e confesso que, hoje, distanciado do objeto, percebo que realmente, a Itália jogou melhor e mereceu vencer a partida. Pra quem não era vivo, ou não lembra, o link do youtube.

    Jogo na íntegra: http://www.youtube.com/watch?v=RVxEWmDS4UY

    Especial da Rede Grobo sobre a partida (em três partes):

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s